Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘manutenção’

Será o fim?

Já chegando nos 5.000km minha pequena moto parece querer me deixar na mão. No espaço de três meses, já foram 4 lanternas de pisca traseiros trocadas por terem quebrado na haste, culpa da maldita trepidação causada pela mais completa incompetência do antigo gestor público da cidade, que nos ‘abençoou’com pouca ou nenhuma manutenção nas ruas.

Na revisão que fiz mais recentemente, peguei a moto hoje, 4/1/13 e tive que comprar uma nova bateria, pois a antiga já não pegava mais carga, tornando as partidas cada vez mais difíceis.

Ao retirar a moto da oficina, senti a suspensão dianteira ‘fofa’, afundando a dianteira da moto muito facilmente quando desacelerava e freava. Na traseira, achei que a moto parecia ‘frouxa’, ‘rabeando’ com qualquer imperfeição do asfalto (e que nunca são poucas).

De revisão, gastei 105 reais, fora os 117 de uma bateria heliar. Prevenido, já comprei um jogo de quatro piscas, desta vez parecidos com os originais, mas com coxins de borracha para aguentarem a trepidação da incompetência de gestores públicos municipais anteriores, somando 40 reais. Já são 262 reais nesse total parcial. Se for somar que gastei mais 19 reais com um litro de óleo Mobil, já são 281 mangos.

Ainda não postei aqui no blog, mas a placa traseira, pelo mesmo motivo dos piscas, está rachada de um lado ao outro, bem na altura da tarjeta do município. Não caiu pela rua por puro milagre. Milagre e uma gambiarra que fui obrigado a fazer para manter a placa no lugar: uma chapa de metal por baixo da placa e uma moldura plástica por cima, ‘sanduichando’ a placa e impedindo que ela caia.

Daqui quinze dias vou ao Detran pedir uma segunda via da placa. O valor? 120 reais. Não perca as contas: já serão gastos 401 reais. Tudo no intervalo de umas poucas semanas.

A insatisfação com a motinho começa a crescer numa velocidade inversamente proporcional à que eu atualizo este blog. Tenho mantido-a em perfeitas condições por ser zeloso e chato com os bens que possuo, por mais ordinários que sejam, como essa moto tem se saído ultimamente.

Conto os dias para conseguir dinheiro suficiente para comprar uma moto maior e que dê menos problema, como uma Fazer YS250, que é a que pretendo. Não decidi ainda se nova ou seminova. Ou usada.

A saga desses gastos sem freio você acompanha aqui! Até a próxima postagem.

PS: por falar em freio, isso rende outro post, mas fica para uma próxima vez.

Read Full Post »